Book 1 – Lição 11 – Curso de Inglês – Intermediário

So many of us succumb to societal and familial pressures to hurry up and get a career, find a guy, get married, have babies. When we have a boyfriend, the question is always, “When are you getting married?” When you get married, the question is, “When are you having babies?” It’s a wonder that when we retire people don’t ask, “So when are you going to die?” As a culture we are so fixated on where we are going that we can’t just be good with where we are. And this really unhealthy tendency has caused too many women to rush into commitments way before they knew themselves.

Regardless of your age, the message is the same: Never make a lifelong decision before you can say “Yes, I know myself, I love myself and I know what I want!” Challenge yourself to think beyond what society, your family, and your friends say is so. Don’t blindly live your life according to what is “normal” or “acceptable,” or make life decisions based on what appears to be the next logical step or simply because you don’t want to disappoint someone. Far too many of us get caught in the trap of needing to be married, have kids, and buy a house by some magical age. Or think we are too old to start over. Give yourself a break. Focus on who you are and what you want to create in your life and go do that.

So let’s go even deeper into who you really are, today, and who you are becoming. The exploration of self is a forever adventure — we are perpetually growing and changing — but I’ve listed some of the questions you can ask yourself, and answer, while on the path to knowing your most authentic self. These questions are meant to be a starting place for your lifelong adventure of knowing, loving, and living you, inquiries that will help you know yourself and your motivations better. With a more intimate understanding of me, you have so much more potential to create the life and relationships you really want.

• What five words describe you best?

• What is unique about you? What are your gifts and strengths?

• What is most important to you?

escrevendo

Tradução

Muitos de nós sucumbem às pressões da sociedade e de familiares para se apressar e obter uma carreira profissional, encontrar um homem, se casar, ter filhos. Quando temos um namorado, a pergunta é sempre: “Quando vocês vão se casar?” Quando você se casa, a pergunta é: “Quando vocês terão filhos?” E me pergunto que quando nos aposentarmos, as pessoas não perguntam ” Então, quando você vai morrer? “Como em uma cultura, estamos tão concentrados em onde estamos indo que não podemos simplesmente estar bem no lugar onde estamos. E essa tendência realmente não saudável fez com que muitas mulheres se precipitassem em compromissos antes de conhecerem a si mesmas.

Independentemente da sua idade, a mensagem é a mesma: Nunca tome uma decisão para a vida toda antes de poder dizer “Sim, eu conheço a mim mesmo, eu me amo e sei o que eu quero!” Desafie-se a pensar além do que a sociedade, sua família, e seus amigos dizem como deve ser. Não viva cegamente sua vida de acordo com o que é “normal” ou “aceitável”, ou faça decisões de vida com base no que parece ser o próximo passo lógico ou simplesmente porque você não quer decepcionar alguém. Muitos de nós ficam presos na armadilha da necessidade de se casar, ter filhos e comprar uma casa na faixa etária ideal. Ou pense que somos muito velhos para começar de novo. Se dê uma pausa. Concentre-se em quem você é e o que deseja criar em sua vida e vá fazer isso.

Então vamos mais profundamente em quem você realmente é hoje, e quem você está se tornando. A descoberta de si mesmo é uma aventura eterna – estamos sempre crescendo e mudando -, mas eu listei algumas das perguntas que você pode se perguntar, e se responder, enquanto estiver no caminho do conhecimento do seu eu mais autêntico. Essas perguntas devem ser um ponto de partida para essa aventura de se conhecer ao longo da vida, de se amar e
de viver você, questionário que o ajudará a conhecer a si mesmo e conhecer melhor as suas motivações. Com uma compreensão mais íntima do seu eu, dessa forma você tem muito mais potencial para criar a vida e os relacionamentos que você realmente deseja.

• Quais são as cinco palavras que te descrevem melhor?

• O que é único sobre você? Quais são seus dons e pontos fortes?

• O que é mais importante para você?

Posts Relacionados: